Veja quais serão as mudanças no Sisu 2017

Carla Gobb Notícias de educação

 O Ministério da Educação (MEC) divulgou na quinta-feira (5) algumas mudanças para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A partir deste ano, instituições públicas de ensino superior que usam o Sisu para o preenchimento de vagas terão mais flexibilidade na utilização das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

Nas edições anteriores do programa as instituições podiam definir o peso e uma nota mínima exigida em cada prova do ENEM para calcular a nota final de cada estudante. A partir de agora as universidades também terão liberdade para definir uma média mínima na prova para selecionar os candidatos.

Com a mudança é possível usar o modelo anterior ou até mesmo fazer uma combinação das duas regras no processo seletivo.

Segundo o MEC, o objetivo da mudança é oferecer mais autonomia às instituições, além de facilitar o acesso dos estudantes as universidades. O candidato que não atingir a nota mínima exigida para o curso escolhido, mas que tenha alcançado notas consideráveis nas outras provas para obter a média estipulada pela instituição de ensino terá mais chance ser aprovado na seleção.

O MEC ainda informou que as mudanças foram feitas para atender as solicitações das próprias instituições de ensino.

Calendário Sisu

 As notas de todos os candidatos serão divulgadas no dia 19 de janeiro, mas o MEC ainda não divulgou o calendário do Sisu 2017. Fique de olho!

VEJA TAMBÉM: AS MENORES NOTAS DE CORTE NO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO (SISU 2015 E 2016)

Vamos debater sobre?