#DesafioVem1000: Fome e desigualdade social no século XXI [Redação pronta]

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

O eixo temático do #DesafioVem1000 mudou novamente! E, agora, para falar sobre alimentação, trouxemos um exemplo de redação sobre o tema “Fome e desigualdade social no século XXI”.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Chegou o nosso primeiro tema de julho do Desafio #vem1000 .🎉 ⠀ E o tema de hoje é: Fome e desigualdade social no século XXI.🍽 ⠀ Em 2014, o Brasil saiu do mapa da fome segundo índice da ONU. Mas ainda há muito o que conquistar, o relatório de 2017 aponta que 5,2 milhões de pessoas no Brasil passaram fome nesse ano. ⠀ No mundo todo, o número de pessoas sem alimentos suficientes atingiu 820 milhões em 2018. São 513,9 milhões na Ásia, 256,1 milhões na África e 42,5 milhões na América Latina e no Caribe.🌎 ⠀ Por causa dos efeitos da pandemia, muitas pessoas estão passando por dificuldades em casa. A estimativa do Banco Mundial é que cerca de 5,4 milhões de brasileiros atinjam a extrema pobreza, chegando ao total de 14,7 milhões de pessoas até o fim de 2020. ⠀ E o que você acha sobre esse assunto? Conta pra gente aqui nos comentários.👇 ⠀ Se quiser receber a correção do seu texto com feedback completo e nota por competência, é só acessar o link na bio e fazer parte da Imaginie.😄 ⠀ #enem #redação #redaçãoenem #enem2020 #desafiovem1000 #temasderedação

Uma publicação compartilhada por Imaginie (@imaginieedu) em


Não perca tempo e bora conferir a redação que trouxemos para você!

Exemplo de redação sobre o tema: Fome e desigualdade social no século XXI

No capítulo Mudanças, do livro Vidas Secas, de Graciliano Ramos, o personagem Fabiano mata o seu papagaio de estimação para servir de alimento a ele e a[1] sua família, o que retrata a insegurança alimentar desse povo. Fora da ficção, esse é um cenário que, infelizmente, é frequente tanto no Brasil quanto no resto do mundo. Nessa perspectiva, observa-se que a fome e a desigualdade social[2] caminham lado a lado no século XXI e vale analisar as suas causas e consequências.

Em primeira análise, com a Revolução Verde foi possível colocar as práticas e técnicas das fábricas industriais no meio rural e, assim, aumentar a produção alimentícia. Entretanto, a superprodução de alimentos não foi o suficiente para erradicar a fome no mundo, visto que o problema se concentra na má distribuição deles. Ademais, destaca-se que os países desenvolvidos e os grandes centros urbanos detêm uma maior quantidade dessa produção ao contrário das áreas rurais e países subdesenvolvidos, o que acarreta um grande desperdício de alimentos. Segundo a FAO[3], organização da ONU[4] que trabalha a questão da alimentação e agricultura, ¼ do que é desperdiçado conseguiria alimentar[5] a população que passa fome e ainda sobraria alimento. Assim, percebe-se que a Revolução Verde foi necessária, mas ainda há entraves para mitigar essa problemática.

Por conseguinte, a fome e a pobreza se relacionam, pois uma pode ser a causa da outra. No filme espanhol “O Poço”, prisioneiros são confinados em uma torre e só podem se alimentar dos restos de comida do nível acima. É possível perceber no filme a questão da distribuição supracitada[6] e a relação com a desigualdade social, visto que cada nível é uma classe social e os níveis mais baixos são os que recebem menos alimentos, gerando hierarquias e distinção simbólica.[7] Assim como fora da distopia, a ascensão social é descartada e esse cenário é passado de geração em geração.

Fica evidente, portanto,[8] que a fome e a desigualdade social no século XXI é um problema não só de saúde pública, mas também econômico e social. Logo, cabe ao Poder Público renovar programas que auxiliam na distribuição de renda e alimentos, como o Bolsa Família e Fome Zero, para que mais pessoas tenham acesso a boas oportunidades futuras, como melhores empregos, aumento da renda e melhores condições de vida. Além disso, é necessário que a mídia, junto a ONG’s,[9][10] promovam campanhas que incentivam a população a repensar nos desperdícios alimentares e na distribuição de alimentos.[11] Dessa forma, o Brasil poderá mitigar os efeitos dessa problemática e cenas como a de Fabiano, em Vidas Secas, serão menos frequentes fora da ficção.


Comentários sobre a correção da redação

Veja os comentários do corretor sobre a redação.

Competência I: demonstrar domínio da norma culta

  • [1] A regência deste verbo requer preposição ‘a’ e, por consequência, crase, pelo fato de a próxima palavra ser o artigo definido feminino ‘a’, resultando em à ou às (àquele(s), àquela(s)).
  • [3] É usual, quando se cita uma sigla pela primeira vez, descrever o que ela significa. Apesar de haver discordância entre professores, pois se trata também de estilo, é melhor evitar perda de pontos por algo tão simples.
  • [4] O significado da sigla deve ser exposto na primeira vez que a citar no texto.
  • [9] Atenção! Os trechos do período devem concordar entre si em número e em pessoa.
  • [10] O plural de siglas não é feito por meio de apóstrofo.

Competência II: compreender a proposta

  • [2] Seu parágrafo introdutório explana o recorte temático, mostrando que compreendeu a proposta.
  • [6] Apresentou boa compreensão da proposta, atendendo à delimitação temática.

Competência III: selecionar e relacionar argumentos

  • [5] Muito bem! Estes dados deram credibilidade a seu argumento.
  • [7] Ótimo argumento, muito bem!

Competência IV: conhecer os mecanismos linguísticos para a construção da argumentação

  • [8] Não houve inadequação no uso de conectivos, nem repetição de palavras, o que contribuiu para a leitura fluida e agradável da redação. Muito bem!

Competência V: elaborar a proposta de intervenção para o problema

  • [11] Excelente! Você resolveu os problemas apresentados na argumentação e, ainda, compreendeu muito bem o que é necessário conter na proposta de intervenção.

Nota: 920

Agora é a sua vez! Bora escrever sobre “Fome e desigualdade social no século XXI” para ficar craque nesse tema e, de quebra, ampliar seu repertório sociocultural. Não se esqueça de escolher o seu pacote da Imaginie e enviar a sua redação para correção!

Banner para cadastro na plataforma da Imaginie, direcionando para o link: https://app.imaginie.com/accounts/login/?utm_source=blog&utm_medium=post&utm_campaign=cadastro-na-plataforma&utm_content=banner

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Posts relacionados

[Ebook]

7 dicas para dar um gás nos estudos e aprender mais rápido

Está se preparando para o Enem e demais vestibulares e quer saber como aprender mais rápido? Então este ebook foi feito para você. Nele você encontra 7 dicas quentes para dar um gás nos estudos!

[Ebook]

Melhorando o seu Repertório Sociocultural

Quer melhorar o seu repertório sociocultural, mas não tem ideia de como fazer isso? Então este ebook foi feito para você! Nele você vai encontrar várias fontes para enriquecer sua redação!

Estrutura da redação: saiba as características dos principais gêneros textuais

Não sabe como é a estrutura da redação de um texto dissertativo-argumentativo ou de uma carta? Então este mapa mental foi feito para você!

Imaginie para todos: democratizando o ensino de redação no Brasil

Se você é um aluno de escola pública, agora pode estudar para o Enem de graça com a Imaginie. Conheça melhor o projeto Imaginie para todos!

Calendário do vestibular 2021: Confira as datas dos principais processos

Ficou confuso na hora de pesquisar sobre os vestibulares que quer fazer? Teve dificuldade para encontrar as informações? Achou tudo muito desorganizado? Então este calendário é para você!

[Infográfico gratuito]

O que cai
em cada disciplina do Enem?

Você está perdidinho sobre o que estudar para o Enem? Saiba quais são as matérias mais cobradas em cada disciplina neste infográfico gratuito que preparamos para você!

Mapa mental grátis

Decorar as regras de acentuação gráfica não é uma tarefa fácil, certo? Mas ela se torna um pouco mais simples com um mapa mental!

Plano de estudos para o Enem 2020

Quer um guia para se preparar para o Enem 2020? Baixe o nosso plano de estudos gratuitamente aqui!

Mapa mental grátis

Decorar as regras de acentuação gráfica não é uma tarefa fácil, certo? Mas ela se torna um pouco mais simples com um mapa mental!

Folha de redação guiada: produza um texto nota 1000!

Criamos esse modelo de redação guiada com dicas para você acertar na hora de fazer a sua própria produção textual para o Enem 2020!

Como ter uma rotina de estudos produtiva?

Aprenda técnicas para aprender mais em menos tempo!

Faça seu cadastro para receber nossa Newsletter