O que é ProUni: fotografia de uma menina carregando livros em uma universidade.

Entenda o que é ProUni e como ele funciona

Roberta Firmino Enem e vestibulares

Muitos estudantes se perguntam sobre o que fazer com a nota do Enem ou como conseguir bolsas em universidades privadas. A resposta para esses dois questionamento é: Programa Universidade para Todos (ProUni).

Desde o surgimento do programa, foram milhares de pessoas atendidas. Para você ter uma noção, apenas no primeiro semestre de 2019 foram ofertadas 244.186 bolsas!

Então, quer entender o que é ProUni e como ele funciona? Continue lendo o artigo de hoje e conheça melhor esse programa!

O que é ProUni?

O Programa Universidade para Todos foi criado pela Lei nº 11.096, de 13 de janeiro de 2005, durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do Ministro da Educação Fernando Hadadd. Ele concede bolsas de estudo em universidades privadas para brasileiros, tanto em cursos de graduação quanto em cursos sequenciais de formação específica, usando a nota do Enem.

São concedidos dois tipos de bolsa de estudo: integrais e parciais. Entenda um pouco sobre cada uma delas!

Bolsa integral

A bolsa de estudo integral, ou seja, que cobre 100% do valor do curso, é destinada a estudantes que têm renda familiar bruta de até 1 salário mínimo e meio por pessoa. A classificação é feita a partir da nota do Enem de acordo com a quantidade de bolsas integrais disponíveis nos cursos selecionados.

Bolsa parcial

Existem dois tipos de bolsas de estudo parciais: 25% e 50%. Elas são destinadas a estudantes que têm renda familiar de até 3 salários mínimos por pessoa. Assim como no caso da bolsa integral, a classificação é feita a partir da pontuação do Enem de acordo com o número de bolsas oferecidas.

Porém, além da participação do Enem e das exigências relacionadas à renda familiar, existem alguns outros critérios que o estudante deve cumprir para conseguir a sua bolsa no ProUni. Confira!

 

Quem pode se inscrever no ProUni?

Agora que você entendeu o que é ProUni, é hora de conferir se você pode concorrer a uma bolsa no Programa.

Para participar do ProUni você precisa se encaixar em pelo menos uma das seguintes condições:

  • ter cursado todo o ensino médio em uma escola pública ou em uma escola privada, desde que tenha sido como bolsista integral dela;
  • ter cursado parte do ensino médio em uma escola pública e parte em escola privada, desde que tenha sido como bolsista integral dela
  • ser uma pessoa com deficiência.

Em todos os casos acima, você precisará cumprir os requisitos relacionados à renda familiar para cada tipo de bolsa que abordamos no tópico anterior.

Porém, professores que integram o quadro permanente de alguma escola da rede pública, exercendo o magistério da educação básica, são os únicos que podem participar do Programa sem necessariamente precisar cumprir as condições que citamos acima e nem mesmo os requisitos de renda.

Como funciona o ProUni?

O ProUni é dividido em 2 etapas: regular e ocupação das bolsas remanescentes

Para participar da primeira etapa, a regular, você precisa ter participado do Enem no ano anterior, não ter zerado a redação e ter alcançado, no mínimo, 450 pontos na média de todas as provas. Além disso, é necessário ter cumprido os requisitos que citamos anteriormente.

As bolsas que não foram ocupadas na fase regular vão para a etapa de ocupação das bolsas remanescentes. Para participar dela, você precisa:

  • ser um professor da rede pública com as condições que citamos no tópico anterior ou
  • ter participado de qualquer edição do Enem a partir de 2010, não ter zerado a redação e ter alcançado uma média das notas das provas de, no mínimo, 450.

Como é feita a inscrição?

As inscrições para o ProUni são gratuitas e devem ser feitas no próprio site do Programa. São abertos 2 períodos de inscrição ao longo do ano: no primeiro e no segundo semestre. Por isso, é necessário ficar atento aos prazos!

E aí, deu para entender o que é ProUni e como ele funciona? Aproveite para conferir também o nosso artigo sobre o que é o Sisu, um outro programa do Ministério da Educação em que você pode usar a sua nota do Enem para entrar na universidade!

Vamos debater sobre?